Kichari – O arroz e feijão mágico Ayurvedico

kitchari-web

Kichari é um alimento ideal. A combinação de Mung Dal (Feijão Moyashi sem casca) e arroz Basmati é utilizada na Índia sempre para tratar o convalescente e como prato principal em Ashrams e instituições de Yoga. É um alimento que de fácil digestão, não causa inchaço ou gases, e é altamente nutritivo, especialmente para o sistema nervoso. É bom ingerir Kichari várias vezes por semana. Este prato também é recomendado quando se sai de um jejum ou mesmo para uma mono-dieta. O Kichari também pode ser utilizado como um alimento de desintoxicação ou simplesmente como um meio perfeito para perder peso.

Na verdade, kichari pode muito bem ser a receita terapêutica mais perfeita de todas, porque desintoxica o sistema como um todo.

Você pode fazer uma mono-dieta de Kichari por até 2 semanas para harmonizar o corpo e a mente e regular as funções dos órgãos digestivos.

Como prato do dia a dia pode-se trocar o arroz Basmati por integral, quinoa ou cevada e o mung dal por lentilha ou feijão azuki, no entanto, quando utilizada terapeuticamente, é importante preparar o Kichari com arroz Basmati, pois esse é mais nutritivo que o arroz branco comum e de mais fácil de digestão do que o integral.

Variando especiarias e legumes você sempre pode fazer um prato diferente a partir da receita básica.

Kichari é um alimento equilibrado para Vata, Pitta e Kapha. Use ingrediente orgânicos pois esses têm um maior valor nutricional.

Receita:

1 cl de sopa de Ghee (veja receita no Blog, http://nuavida.blogspot.com.br/2013/05/ghee-parte-1_8.html)

1 xic de Mung dal ou feijão Moyashi (encontra-se em casas de produtos japoneses)

½ xic de arroz Basmati (encontra-se em grandes mercados)

1 cl de café de sementes de cominho

1 cl de café de sementes de mostarda

½ cl de café de feno-grego

2 cl de café de sementes de coentro moídas

1 cl de café de açafrão da terra em pó

½ cl de café de assa-fétida

1 a 3 cl de chá de gengibre fresco ralado

Verduras e legumes orgânicos: vale tudo aqui (exceto alho, cebola, tomate, berinjela, batata, pimentão se for para uso terapêutico).

Sugestão: 1/2 xícara de cada inhame, 1 ou 2 xícaras de couve picada, acelga ou espinafre.

6-8 xícaras de água

O feijão moyashi ou mung dal não necessita ficar de molho. Caso utilize lentilha ou outro feijão deixe de molho, com bastante água, de 1-8 horas antes de cozinhar (ajuda a eliminar a formação de gases e distensão abdominal).

  • Acenda o fogo baixo e em uma panela adicione o açafrão, coentro, assa-fétida, cominho, feno-grego, e as sementes de mostarda e toste até exalar o aroma das especiarias, cuidado para não queimar!

Adicione o gengibre e o Ghee. Refogue um pouco

  • Adicione o arroz e feijão verde e refogue por 30 segundos ou mais.
  • Adicionar 6-8 copos de água (depende de quanto tempo você deixou o feijão de molho, mas Kichadi deve ficar pastosa, adicione mais água se necessário)
  • Adicionar os legumes e raízes neste momento. Cubra e cozinhe por 20 aminutos
  • Adicionar verduras neste momento. Cubra e cozinhe por mais 10 minutos

Feijão Moyashi ou Mung

mung_bean

 

 

 

 

 

 

Moyashi sem casca ou Mung dal

mung_dahl

 

 

 

 

 

Texto Rita Pisa

Fontes:

http://www.ayurveda-holistic-medicine.com

http://www.planetherbs.com

http://perfectsensenutrition.net

One Comment

  1. Oi! queria sua ajuda.

    quero fazer o kichari para uso terapêutico, e li que tem q ser com o moyashi descascado, encontra-se ele descascado para comprar ou temos q descascar manualmente? como faz?
    me ajuda?
    beijo e obrigada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *