O simbolismo do aniversário!

Ampulheta_Biol_gica_90x120cm

Ontem dia 16 de março de 2014 completei 34 anos e a cada ano o significado do aniversário tem mudado para mim.

Desde criança o meu dia de aniversário tem sido motivo de comemoração, festa, reunião de familiares e amigos. Me lembro com saudades e carinho da imensa euforia que eu sentia neste dia, meus pais sempre preparavam uma festa na nossa casa, eles tiravam todos os móveis da sala e este local se transformava em uma pista de dança que sempre tinha uma atração especial. Um ano contratavam animadores para fazer brincadeiras, outro organizávamos bailes da vassoura, competição de lambada e nestas comemorações não tinha espaço nem para respirar de tantos amiguinhos que participavam deste dia tão especial comigo. No dia seguinte parecia que tinha passado um tornado pela minha casa, eu estava exausta, as vezes rouca de tanto que tinha gritado, mas feliz com as lembranças deste dia. Meus pais fizeram estas festas até meus 10 anos. Depois passei a comemorar em baladas, restaurantes, viagens…etc, mas sempre preocupada em ter um dia agitado rodeada de muitas pessoas, tudo “muito”.

Em 2006 meu pensamento começou a mudar depois de passar pela experiência de perda de uma pessoa muito próxima. Minha amada mãe Rubi sofreu um aneurisma cerebral e morreu de repente. Isso aconteceu um mês antes do meu aniversário de 26 anos e a partir daí comecei a pensar sobre o tempo que cada um nós tem para se expressar na terra…o da minha mãe foi 49 anos.  Qual seria o meu tempo? Neste aniversário estava tão tomada pelo sentimento da perda que cheguei a pensar que o aniversário era apenas a constatação que mais doze meses haviam se passado a caminho do meu último dia. Isso fez com que eu levasse minha vida aproveitando cada instante como se fosse o último, isso pode até ser legal, mas quando temos muita maturidade para tomar as melhores decisões. Comigo houve um certo desequilíbrio, pois tudo o que eu fazia tinha que ser aproveitado ao máximo e isso pode não ser tão positivo em muitos aspectos e sim exaustivo, excessivo, doentio. Nesta época eu sentia que nadava, nadava e morria na praia. Não conseguia sentir paz!

Paz é geralmente definida como um estado de calma ou tranquilidade, uma ausência de perturbações agitação. Paz é um estado neutro nem euforia e nem tristeza, paz!

O tempo foi passando e além de estudar yoga na sua visão mais profunda e espiritual, passei estudar ayurveda (medicina indiana), abri meu próprio negócio, fui para a India, rezei, casei, virei mãe…e nesse tempo o significado de aniversário foi se transformando mais uma vez, posso dizer que o aniversário passou a ser algo sagrado, o inicio de um novo ciclo pessoal!

Agora viver mais doze meses não é mais representado por festinhas, agitação, excessos, medo da morte que se aproxima. Agora viver mais um ano significa um passo adiante na evolução e no processo de autoconhecimento. Um ano a mais de experiência e aprendizado. O meu aniversário é uma chance que recebo para expressar o melhor de mim, para viver o meu Dharma, minha missão!

Ontem no meu aniversário acordei e agradeci
Acendi um incenso e uma vela e agradeci
Pratiquei yoga e agradeci
Amamentei a Valentina e agradeci
Me alimentei e agradeci
Tomei banho e agradeci
Recebi sua mensagem e agradeci
Recebi sua ligação e agradeci
Recebi seu beijo e abraço e agradeci
Fiquei em silêncio e agradeci
Percebi a presença divina e agradeci
E Paz.
Amém!

Simone Saavedra

Namastê

Namastê

One Comment

  1. Caroline Zulueta

    Que lindo amiga!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *